Buscar
  • Rodrigo César

O acompanhamento nutricional e o paciente oncológico.

A importância do acompanhamento nutricional é tão grande quanto a dos medicamentos e tratamentos contra o câncer. Conforme a oncologista clínica da Santa Casa Drª. Millena Neves, o corpo dará a resposta que estiver condições, perante o tratamento.

.


“Se o paciente estiver bem nutrido, se tiver uma massa muscular interessante e até mesmo uma reserva de gordura, conseguimos ter mais sucesso. Parte da quimioterapia é processada pelo tecido adiposo, e se temos um paciente muito desnutrido, com um quadro de caquexia grave, este paciente tem mais chances de falha no tratamento”, esclarece.

.

Daí a importância do acompanhamento e aconselhamento nutricional desde a primeira consulta, afim de que a parceria com a nutrição possa fazer surgir o efeito que o médico oncologista aguarda no resultado dos medicamentos e tratamentos.

.

Além das chances de mais sucesso no tratamento, o acompanhamento nutricional também reduz os efeitos colaterais secundários, seja na quimioterapia, radioterapia ou imunoterapia. “O paciente bem nutrido, que tem uma massa muscular de reserva, e que não está num quadro de caquexia tumoral, tem mais chance de sucesso”! Afirma.

.

A Santa Casa de Alfenas e o Centro de Oncologia, dispõem de um serviço de acompanhamento nutricional, com acompanhamento de profissionais especializados. “Este serviço é oferecido ao paciente do convênio, do sus, ou particular, desde a primeira consulta.

.

Durante todo o tempo, os nossos nutricionistas vão reconhecendo e aconselhando e fazendo a suplementação precoce. Se é reconhecido que o paciente tem algum grau de desnutrição que exija mais atenção, um atendimento semanal, também conseguimos fazer isso, com o serviço da nutrição”, ressalta.

.

Todo este empenho, conforme ela, tem se revertido em resultados grandiosos para o tratamento, principalmente naqueles casos em que o paciente já chega com algum problema em relação a alimentação, em decorrência do câncer de esôfago, cabeça e pescoço.

.

“O acompanhamento nutricional que é oferecido aqui, é algo que tem que se chamar a atenção porque é tão importante quanto pensamos na quimioterapia, em radioterapia, ou imunoterapia, pois está estritamente ligado com o sucesso do tratamento oncológico em todas as fases, seja em tratamentos curativos ou em quadros paliativos”, finaliza.

13 visualizações0 comentário