Buscar
  • Rodrigo César

“Quem procura, acha”

É comum ouvirmos essa frase, principalmente quando alguém não quer realizar exames de rastreamento ou de rotina. Mas é claro que não é bem assim.



Realizar exames periódicos é uma forma de autocuidado. Como o câncer é representado por uma série de alterações das células, os fatores de risco são muito variados por isso precisamos estar atentos.


Por que então definimos idades para exames de alguns tipos de câncer?


No caso do câncer de próstata, definiu-se uma idade em que é necessário fazer o rastreamento da doença, por certas especificidades, mas isso não significa que para identificar os tipos variados de câncer você deve esperar uma idade ou presença de um sintoma.


Por isso é importante realizar exames de rastreio específicos em períodos recomendados por um médico. Através destes exames, é possível avaliar ainda na fase inicial, o surgimento de alguma alteração que pode vir a se tornar um câncer ou mesmo um pequeno tumor em desenvolvimento. O importante é ser precoce.


Um dos principais inimigos do paciente de câncer é o tempo.

Seu desenvolvimento e sua instalação são muitas vezes silenciosos e tanto pode levar anos para se agravar, quanto pode evoluir rapidamente.


Então, como saber que exames fazer e quando procurar por um atendimento?


- Primeiro é importante saber se você tem histórico familiar ou se tem algum fator de risco, como doenças preexistentes.


- Outros fatores comportamentais como má alimentação, sedentarismo, ingestão de álcool, cigarro e exposição a produtos químicos podem facilitar a presença de alterações.


-Presença de algum sinal ou sintoma inespecífico.


Mesmo que você tenha uma vida saudável, sem a presença de nem um desses itens é aconselhável que você procure uma vez por ano um serviço de saúde para saber como está sua saúde. Desse jeito você pode entender se precisa ou não de um exame ou consulta específica para prevenir o desenvolvimento do câncer e outra doenças.


Apenas um profissional de saúde poderá informar algum risco e quando procurar mais serviços especializados.


Cuide-se, o tempo é decisivo na luta contra o câncer. Cuidar do outro é cuidar de mim!

22 visualizações0 comentário